Formação Contínua de Formadores/as, com Especialização em Igualdade de Género

A SEIES vai realizar uma ação de Formação Contínua de Formadores/as, com Especialização em Igualdade de Género (72h)

A formação é gratuita e  dirigida a pessoas ativas empregadas com licenciatura. Irá decorrer em Setúbal ou Palmela em horário pós-laboral. Solicitamos a vossa colaboração na divulgação junto de potenciais interessados/as. A ação terá início durante o mês de Dezembro.

As inscrições podem ser feitas até ao dia 25 de Novembro, via email para seies@mail.telepac.pt ou pessoalmente no Centro de Cidadania Ativa (R. João Eloy do Amaral, 140 – Setúbal | 265547450)

Para mais informações, ou esclarecimento de dúvidas, contactar as técnicas responsáveis: Fátima Banha ou Raquel Rosa (265547450)

Cartaz_FoFomadores_LisboaValeTejo_até25nov

Anúncios

Novo Regulamento para a medida Vida Activa IEFP

images

VIDA ATIVA

(Circular Normativa n.º16/2013 de 3 de outubro)

Esta medida pretende consolidar, integrar e aperfeiçoar um conjunto de intervenções orientadas para a ativação dos desempregados, favorecendo a aprendizagem ao longo da vida, o reforço da empregabilidade e a procura ativa de emprego, considerando as recomendações da União Europeia e da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), bem como a experiência adquirida ao longo dos anos pelo serviço público de emprego.

  1. 1.     Objetivos

A medida Vida Ativa pretende reforçar a qualidade e a celeridade das medidas ativas de emprego, em particular no que respeita à qualificação profissional, através do desenvolvimento de:

  • Percursos de formação modular, com base em unidades de formação de curta duração (UFCD), tendo como referência predominantemente o Catálogo Nacional de Qualificações (CNQ), que permita a aquisição de competências tecnológicas de natureza específica ou transversal, bem como de competências pessoais e empreendedoras, que capitalizem, de forma gradual, para a obtenção de uma qualificação, potenciando, desta forma, a empregabilidade dos seus destinatários;
  • Formação prática em contexto de trabalho (FPCT), que complemente o percurso de formação modular ou as competências anteriormente adquiridas em diferentes contextos pelo candidato;
  • Processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC) adquiridas ao longo da vida por vias formais, não formais ou informais, na vertente profissional ou de dupla certificação.

A implementação desta medida não exclui a possibilidade do encaminhamento direto para outras ofertas de qualificação, desde que disponíveis no curto prazo e se revelem mais ajustadas ao perfil individual dos desempregados e às necessidades do mercado de emprego.

  1. 2.     Destinatários – desempregados jovens e adultos

Desempregados inscritos nos Centros de Emprego do IEFP (Tendencialmente, 75% dos desempregados devem ser beneficiários de prestações sociais – subsídio de desemprego, subsídio social de desemprego ou RSI – sem prejuízo da integração de outros com baixas qualificações)

Prioridades:

  • Inscritos há mais de 6 meses
  • Sem o 9.º ano de escolaridade.
  • Sem uma qualificação profissional.
  • Com uma qualificação desajustada ao mercado de trabalho.
  • Que integrem agregados familiares em que ambos os membros se encontrem desempregados.
  • Membros de agregados monoparentais, que se encontrem desempregados.

Podem, ainda, considerar-se públicos prioritários desta medida os licenciados desempregados com qualificações desajustadas face às necessidades do mercado de emprego, inscritos nos centros do IEFP, I.P.

O horário da formação deve:

– ser definido de forma a permitir a manutenção do dever de procura ativa de emprego;

Consulte o regulamento. Clique aqui para realizar download.

 

Curso Financiado em Lisboa: Aplicações Informáticas na ótica do utilizador – nível IV

IPDJ – Instituto Português do Desporto e Juventude, em Lisboa/Expo, promove, em Maio de 2013,  curso de Aplicações Informáticas na Ótica do utilizador.

Trata-se de um curso financiado pelo POPHgratuito, de curta duração e com conteúdos programáticos de acordo com o Catálogo Nacional de Qualificações.

  • Curso: Aplicações Informáticas na ótica do utilizador – nível IV
    • Duração: 25 horas
    • Horário: Laboral – das 09h30 às 12h30
    • Calendário: Maio: Dias 28, 29, 30, 31  e Junho: Dias 04, 05, 06 e 07
    • Destinatários: Empregados/Desempregados (com habilitação igual ou superior ao 9.º ano de escolaridade e/ou licenciados em situação de desemprego)
    • Local: IPDJ/Direção Regional de Lisboa e Vale do Tejo – Rua de Moscavide Lote 47101, Parque das Nações, 1998-011 Lisboa

Cada formando terá direito a:

  • subsídio de alimentação*;
  • subsídio de transporte*;
  • certificado de qualificações.

* quando aplicável, conforme legislação em vigor.

Para formalizar a sua inscrição, solicite a ficha de inscrição enviando um e-mail para paula.passos@ipdj.pt

Não fique parado no tempoforme-se e construa um futuro à sua medida… inscreva-se já nas formações modulares certificadas do IPDJ!

Curso de Cozinha/Pastelaria – Formação Financiada| Associação Cozinheiros Profissionais Portugal

Destinatários: jovens com idade inferior a 25 anos, com o 9º ano completo até 12º incompleto

Duração: 2800 a 3700 horas
Qualificação – QNQ: Certificado profissional com equivalência ao ensino secundário (12º ano)

Regalias:
– Bolsa de profissionalização
– Subsídio de alimentação
– Subsídio de transporte

Inscreve-te aqui.